Para quem observa de fora, o mundo da moda parece ser feito apenas de beleza e glamour, porém, exige muito mais trabalho duro do que se pode imaginar. Modelos, designers, influenciadores e outras pessoas ligadas à moda podem sentir muita pressão ao trabalhar em um meio competitivo e que exige sempre uma boa aparência.

É muito importante que a saúde mental seja tratada com seriedade e não ignorada. Por isso, algumas modelos decidiram falar abertamente sobre esse assunto. Veja algumas delas a seguir.

Gisele Bündchen

Recentemente, a supermodelo brasileira surpreendeu a todos quando decidiu relatar sua experiência com ataques de pânico e pensamentos suicidas. Gisele contou em uma entrevista à revista People que teve seu primeiro ataque de pânico em 2013, durante um voo, e passou a ter medo de espaços fechados. Ela até mesmo pensou em suicídio como uma forma de escapar das crises.

Felizmente, ela decidiu procurar ajuda com especialistas e adotou um estilo de vida completamente saudável como solução. Hoje, Gisele é conhecida por ter uma dieta vegana e praticar Yoga regularmente.

Cara Delevingne

A modelo e atriz britânica Cara Delevingne é outra personalidade que fala constantemente sobre a importância da saúde mental. A ex-modelo da Victoria’s Secret já compartilhou que sofre com depressão desde os 15 anos, e abandonou o colégio por causa da doença. “Eu achava que estava completamente sozinha. Eu também sabia que tinha muita sorte e uma família e amigos maravilhosos, mas isso não importava”, disse Cara.

Hoje, com 26 anos, a modelo conta que está muito melhor depois de procurar ajuda profissional e que o melhor para ela foi aprender que sua felicidade não depende de outras pessoas: “Eu precisava aprender a ser feliz sozinha”.

Kate Moss

A supermodelo Kate Moss foi descoberta aos 14 anos e, ao entrar para o mundo da moda tão jovem, sofreu com muitos profissionais que não a respeitavam. Ela conta que, ainda na adolescência, as várias vezes em que ela se sentiu pressionada a fazer imagens sexualizadas fizeram com que ela tivesse um colapso nervoso.

“Era a ansiedade. Ninguém cuida da sua saúde mental. Existe uma pressão muito grande em fazer o que for preciso”, conta a modelo sobre sua experiência. 

Kendall Jenner

Quem vê Kendall Jenner, uma das modelos mais bem-sucedidas atualmente, não imagina que a jovem sofre de algo sério e que afeta muitas mulheres. Kendall já contou que sofre de ataques de pânico e ansiedade, e já cancelou trabalhos como modelo por se sentir muito pressionada.

“Tenho uma ansiedade tão debilitante, por causa de tudo que está acontecendo, que literalmente acordo no meio da noite com ataques de pânico”, contou a modelo. Para evitar ficar ainda mais ansiosa, Kendall já abandonou o hábito de ler comentários na internet, que traziam negatividade para sua vida.

Bella Hadid

Recentemente, a modelo Bella Hadid também falou sobre sua dificuldade em sofrer de fobia social. Ela disse que chorava e tremia em eventos e entrevistas, e costumava não lembrar do que acontecia em desfiles, por causa da ansiedade.

A modelo revelou que, apesar de ainda sofrer com o problema, ela aprendeu a lidar com o passar do tempo: “Fica muito melhor quando você passa a falar com pessoas todos os dias”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu Nome