Modelo conta a verdade sobre as fotos pós maternidade

329

Acabei de terminar um trabalho de roupas confortáveis para serem usadas no puerpério. E o absurdo já começa aí, afinal, alguém sente conforto no puerpério?! (puerpério é o período de 40 dias pós-parto).

Passei o dia ensaiando fotos sorridentes e apaixonadas junto á um bebê que era tão de mentira quanto a idéia de um pós parto assim. 

Deveriam nos vender a verdade.

Fotos de uma mulher com olheiras que mais parecem poços artesianos de tão profundas, de pé às 3 da manhã, chorando sem saber o porquê, fariam muito mais sentido pra mim. Afinal, quando vejo uma moça gargalhando e maquiada com um bebê de uma semana nos braços, penso que ou estou em um comercial de absorventes ou no Instagram de uma das modelos do Victoria’s Secrets. 

Eu não sei como elas fazem, mas eu, me descabelei com muito orgulho.

Vivi essa confusão hormonal como Deus manda, bebi o rio de lágrimas que derramei e me embriaguei no maior amor do mundo. 

Não existe processo de transformação sem dor, e parir, sem dúvidas é renascer.

É velar e enterrar quem já se foi um dia e sofrer essa perda em todas as suas fases, logo, você precisa se redescobrir, afinal você precisa voltar a ser alguém. Alguém que você ainda não conhece, mas vai conviver 24 horas por dia. Alguém que vai te doer pra aceitar, mas que vai te surpreender. 

Por que essa mulher que você é agora, tem mais olheiras e celulites que a mulher de antes, mas tem uma força que ela nem imaginou que existia. 

A vida não acaba na maternidade, ela recomeça.

Permita-se viver esse momento, abrace e se afogue nos braços dessa dor que só surgiu pra te ensinar como se ama de verdade. 

Em toda mãe, se perdeu uma menina qualquer e renasceu uma mulher maravilha. 

Voe. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu Nome